“Dentre as atividades que arregimentaram boa parte da indústria da música no século XX, a produção de jingles voltados ao mercado publicitário e a construção de instrumentos são, sem dúvida, duas que se destacaram.

Nos dias atuais, num “ecossistema musical” tão diversificado e constantemente transformado pelo avanço das tecnologias de gravação, reprodução e distribuição, trazendo ferramentas dos poderosos estúdios fonográficos para dentro de casa, questionamo-nos quais aspectos dessa cadeia produtiva permanecem inalterados e como os músicos estão lidando com esta guinada.

A Zumbido, publicação digital do Selo Sesc, investiga sob um prima histórico dois desses aspectos na sua terceira edição e, para complementar seu lançamento, convida para um bate-papo os músicos:

Charles Gavin – Oficial percusionista (ex-Titãs, Ira!, RPM), pesquisador e apresentador do programa O Som do Vinil (Canal Brasil).

Edgard Poças – músico e arranjador, figura fundamental na produção de jingles no Brasil, responsável por sucessos da XuxaBalão mágico, Trem da Alegria e Dominó. Recentemente escalado pela Netflix, junto com Fábio Goes, para dar vida a trilha da banda infantil na série Samantha!

<<Mediação>>
Biancamaria Binazzi radialista e idealizadora do projeto Goma-Laca”

Tá no ar!
Leia a Zumbido #3 na íntegra no aplicativo Sesc São Paulo (disponível no Google Play ou App Store) ou, se preferir, direto no nosso Medium (sescsp.org.br/zumbido).

Curso: Paisagens Sonoras